25 de setembro de 2015

»Feliz Aniversário Sr. Olivaras

Happy Birthday Mr. Ollivanders

Garrick nasceu no dia 25 de setembro, seu pai era bruxo e sua mãe nascida trouxa. A família Olivaras tem sido associada há muito tempo com a misteriosa profissão de fabricantes de varinhas. É dito que o nome significa "aquele que possui a varinha da oliveira', o que sugere que o primeiro Olivaras desembarcou na Grã-Bretanha vindo de algum país do Mediterrâneo (já que as oliveiras não são nativas do Reino Unido). O próprio Olivaras acredita que seus primeiros antepassados tenham chegado com os Romanos, e instalado uma tenda (posteriormente uma loja) para vender aos antigos bruxos britânicos, cujas varinhas eram construídas de forma bruta e que possuíam desempenho duvidoso.

O Sr. Olivaras é sem dúvida o melhor fabricante de varinhas do mundo, e muitos estrangeiros preferem viajar até Londres apenas para comprar uma de suas varinhas, ao invés de comprarem uma que tenha sido fabricada em suas terras natais. Cresceu em meio aos negócios da família, onde mostrara seu talento precoce. Ele tinha a ambição de melhorar os núcleos e as madeiras utilizadas e desde muito cedo concebeu, embora fanática, sua determinação em busca da varinha ideal.

Antes do Sr. Olivaras se tornar o proprietário dos negócios da família, os bruxos utilizavam-se de uma ampla variedade de núcleos. O cliente, muitas vezes, apresentava ao fabricante de varinhas uma substância mágica a qual este estava afeiçoado, ou que tenha herdado, ou algo que sua família é leal (dando a entender pelo núcleo da varinha de Fleur Delacour). O Sr. Olivaras, no entanto, era purista e insistia que as melhores varinhas nunca eram aquelas produzidas simplesmente por colocar os pelos do Amasso favorito (ou o talo de um Dítamno que uma vez salvou a vida do pai de um bruxo de um envenenamento, ou a crina de um Cavalo-do-Lago que alguém encontrou na vez que viajaram para a Escócia) na madeira favorita do cliente. Ele acreditava que as melhores varinhas possuíam núcleos de substâncias mágicas imensamente poderosas, especialmente selecionadas e habilmente inseridas em madeiras para se complementarem, resultando em algo que combinará com aquele dono cuja própria varinha sinta grande afinidade.

Mesmo havendo inicialmente uma resistência substancial a esta forma revolucionária de se fabricar varinhas, não demorou muito para perceberem que as varinhas Olivaras era infinitamente superiores a qualquer coisa que tinha vindo antes. Seus métodos para localizar madeiras para varinhas e as substâncias que compunham os núcleos, uni-los, e então encontrar os donos ideais eram segredos zelosamente guardados e muito cobiçados por outros fabricantes concorrentes.









Etiquetas de Varinhas [Leia mais]
Núcleo de Varinhas [Leia mais]

0 Corujas:

Postar um comentário