10 de dezembro de 2017

Time de Quadribol da Sonserina

Slytherin Quidditch Team
O time da Sonserina teve, por muito tempo, a fama de ser a melhor. Eles ganharam a Copa de Quadribol de Hogwarts por sete anos consecutivos até a Grifinória finalmente ganhar em 1991. Conhecidos por usarem estratégias baixas, o time da Sonserina é formado por jogadores corpulentos, em exceção a Draco. Não há garotas no time. Lúcio Malfoy comprou Nimbus 2001 para o time inteiro da Sonserina quando Draco se tornou apanhador, o que, segundo Hermione, foi o mesmo que "pagar para entrar no time.”

De 1991 à 1992

1 - Milo Bletchley - Goleiro
2 - Lucian Bole - Batedor
3 - Peregrin Derrick - Batedor
4 - Marcus Flint - Capitão/Artilheiro
5 - Adriano Pucey - Artilheiro
6 - Granham Montague - Artilheiro
7 - Terencio Higgs - Apanhador
Draco Malfoy substitui Terencio Higgs como apanhador
Cassius Warrington substitui Adriano Pucey como artilheiro. 
Montague, substitui Flint como capitão.
Adriano Pucey volta para substituir Flint como artilheiro.
Crabbe e Goyle substituem Bole e Derrick.

De 1995 à 1996

Vaisey substitui Pucey como artilheiro.
Harper substitui Malfoy como apanhador.
Urquhart substitui Montague como capitão/artilheiro.
Zabini substitui Cassius Warringtom como artilheiro.
Goleiro desconhecido.

Descrição dos Jogadores

Marcus Flint - Capitão/Artilheiro

Nascido no dia 03 de Setembro de 1974, estudou em Hogwarts de 1986 à 1994. Alem de Capitão ele era também Artilheiro da Sonserina. Flint não era academicamente inteligente, deveria ter se formado em 1993 mas teve que repetir seu último ano em Hogwarts porque ele não passou nos exames da primeira vez. Ele é descendente de uma familia de puro-sangue e possui parentesco com a ministra da magia Josephina Flint e Ursula Black que antes de se casar usava o sobrenome Flint. 

Marcus foi descrito como sendo alto e relativamente musculoso. Ele tinha dentes grandes, olhos cinzentos desajeitados e cabelo preto grosso. Harry Potter notou que ele parecia ter sangue de trasgo. No entanto, isso pode simplesmente ter sido um insulto à aparência de Flint. Era conhecido também por ser muito rude no jogo de Quadribol; por exemplo, seus apertos de mão com o capitão da Grifinória e o rival Oliver Wood frequentemente se transformavam em tentativas de quebrar os dedos uns dos outros. Ele também não estava acima de cometer faltas, bloqueando Harry Potter em uma partida de quadribol em 1991 e usando um bastão para acertar o adversario com um balaço. 

Durante o ano letivo de 1992, o time da Sonserina ficou muito agradecido quando receberam novas vassouras, uma cortesia de Lucio Malfoy, por Draco se tornar o novo apanhador. Mas isso não impediu Flint de se irritar com a estupidez de Draco durante uma partida contra a Grifinória. Ele o repreendeu após o jogo porque ele não notou o pomo de ouro ao lado dele, fazendo com que a Sonserina perdesse a partida. Isso foi testemunhado por Jorge Weasley.


Em uma ocasião, ele participou de um esquema para assustar Harry Potter com Draco, Crabbe e Goyle. Os quatro Sonserinos se vestiram de Dementadores, que estavam guardando Hogwarts naquele ano devido à fuga de Sirius Black de Azkaban. Depois disso, Flint e Peregrine Derrick roubaram a caixa contendo as bolas de Quadribol do escritório de Madame Hooch e as esconderam no Pátio da Torre do Relógio. Eles substituíram o caixote por uma caixa contendo um Pomo, Goles e Balaço enfeitiçados, para que pudessem vencer o time de quadribol da Grifinória. No entanto, seu plano foi frustrado por Ron Weasley e Hermione Granger. Sua vida depois de Hogwarts é desconhecida.

Adriano Pucey - Artilheiro 

Iniciou seus estudos em Hogwarts entre 1989/90. E durante seu segundo ano foi escolhido como artilheiro do time da Sonserina.

É um ano ou dois anos mais velho do que Harry, sendo assim ele não precisou repetir de ano como Flint. Ele se destaca entre os outros jogadores por ser um dos poucos membros do time que não é visto cometendo uma falta, agressão ou trapaceando, apesar de estar na equipe de Quadribol por pelo menos três anos.

Milo Bletchley - Goleiro 

Foi goleiro do time de quadribol da Sonserina. Sempre com uma expressão seria, era um jogador mediano no Quadribol, sendo incapaz de bloquear Angelina Johnson, durante a única tentativa de gol da equipe da Grifinória na partida. Mas sua cara carrancuda não o impediu de ter gargalhadas quando Rony tentou enfeitiçar Draco e o feitiço deu errado.

Durante a tensão pré-jogo da partida contra a Grifinória em 1995, lançou uma azaração em Alícia Spinnet que fez suas sobrancelhas crescerem até tamparem sua boca.

Snape se recusou a ouvir as catorze testemunhas oculares que afirmaram ter visto Milo lançar o feitiço pelas costas de Alícia enquanto ela estudava na biblioteca, e insistiu que ela tinha experimentado em si mesma um Feitiço para Engrossar os Cabelos.

Bletchley, juntamente com o resto de sua equipe e os torcedores da Sonserina, cantaram Weasley é o nosso rei durante toda a partida em uma tentativa bem-sucedida de desestimular Ron Weasley, o novo goleiro da Grifinória.

Em Pedra Filosofal o personagem é interpretado por Amy Puglia. Nos livros não haviam garotas no time.

Terencio Higgs - Apanhador 

Ele foi o apanhador de time de Quadribol da Sonserina durante a temporada de 1991-1992, mas foi logo substituído por Draco Malfoy em 1992. No entanto, por ser do mesmo ano que Flint não se sabe se ele ainda estava frequentando Hogwarts na época, ou se ele já havia se formado. Como Adriano Pucey, ele parece ser um dos Sonserinos mais decentes, já que ele parece jogar de acordo com as regras do Quadribol e não recorre à trapaça.

Draco Malfoy - Apanhador

Substituiu Higgs depois que ele se formou em Hogwarts. Não passando nos testes subornou os colegas com novas vassouras para entrar no time.

Ele também escreveu a letra da música degradante Weasley é o nosso rei, que zombava das habilidades de Quadribol de Rony como goleiro da Grifinória. Em 1995 se envolveu em uma briga com Fred e Jorge, que o agrediram violentamente por causa da canção, que acabou resultando em um banimento dos gemeos de jogar quadribol durante o resto do ano. 

Focado em sua missão de consertar o Armario Sumidouro, Draco parecia ter cada vez menos interesse em Quadribol e acabou permitindo Harper para assumir o seu lugar. Draco alegava estar com dores mas obvio que ele tinha pagado para ser substituído, assim teria mais tempo para consertar o armário sumidouro

Ele também estava se tornando mais negligente com seu trabalho escolar, pois não fazia suas tarefas de transfiguração e recebia detenção, além de não prestar atenção aos seus deveres de monitor, as quais usualmente usaria de abusos como no ano anterior.

Lucian Bole - Batedor

Foi um aluno da Sonserina que jogava como batedor pelo time de quadribol. Durante a partida final contra a Grifinoria em seu sexto ano, acertou a cabeça de Alícia Spinnet dizendo que achava ser um balaço. Em vingança, Jorge Weasley deu uma cotovelada no rosto de Bole, levando Madame Hooch a punir os dois times.
Flint roubou seu bastão e acertou Wood em uma partida em 1992 tirando-o da defesa. 

Peregrin Derrick - Batedor

Embora não houvesse partidas de quadribol durante o ano letivo de 1994-1995 por causa do Torneio Tribruxo, ele ocupou sua posição na equipe até sua formatura no final de 1995. Ele e Bole foram substituídos por Vincent Crabbe e Gregory Goyle no início do ano letivo de 1995-1996. 

Angelina Johnson, a nova capitã do time da Grifinoria, brincou com seus companheiros de equipe que ela ficava sempre chocada com o fato de que Derrick e Bole conseguiam entrar no campo de Quadribol sem ter que seguir as placas.

Jogadores Desconhecidos

Artilheiro desconhecido que jogou no time da Sonserina no ano de 1991 e 1992. Estava ao lado de Flint na primeira partida contra a Grifinoria quando Madame Hooch dizia a todos que queria um jogo limpo.  Durante uma partida, voando em direção aos aros com a Goles, deu uma cotovelada em uma jogadora da Grifinoria, mas o gol foi defendido por Wood. Mais tarde com a ausencia de Wood devido à um balaço jogado por Flint, os dois armaram uma emboscada contra Angelina Johnson, fazendo a jogadora bater contras as arquibancadas. Em uma jogada espetacular, dando uma pirueta, marcou um gol a cauda de sua vassoura.

Suposto Batedor. Sua posição no time da Sonserina é desconhecida. Foi visto depois da partida contra a Grifinoria ao lado de Lucian Bole na Ala Hospitalar, onde Draco estava depois de cair da sua vassoua enquanto perseguia o pomo de ouro. Ele estava presente também quando Draco foi anunciado como novo apanhador e riu com seus colegas de time quando Rony foi atingido pelo seu proprio feitiço que saiu pela culatra. No final do ano letivo de 1992, foi visto sentado ao lado de Flint e outros alunos da Sonserina no baquete do grande salão.


Time da Sonserina em 1992

Da esqueda para a direita: Lucian Bole, Peregrin Derrick, Milo Bletchley, Marcus Flint, Adriano Pucey e Draco Malfoy.

Time da Sonserina em 1996

Urquhart: foi capitão do time em 1996, ele era novo no time e não havia ocupado nenhuma posição na equipe antes, então pareceu estranho que ele tenha se tornado o capitão tão repetinamente e ainda jogando como um artilheiro no lugar de Montague, que estava no hospital depois de uma aparatação mal sucedida. Durante a partida contra a Grifinória, Urquhart apertou a mão de Harry, "esmagando-a".

Montague: foi descrito como sendo grande e musculoso, mais ainda do que Crabbe e Goyle. Ele também é descrito como tendo braços peludos. É incerto se ele estava no time da Sonserina antes, mas Draco deixa implicito que são amigos dando a entender que são do mesmo ano. Jogou na final contra a Grifinória em 1994 e quando Catia Bell tomou posse da Goles, Montague voou na frente dela, mas, em vez de tomar a bola, ele agarrou a cabeça dela. Embora Catia fosse capaz de evitar cair da vassoura, ela largou a goles. Madame Hooch repreendeu Montague e concedeu uma penalidade para Grifinoria.

Montague se juntou a Brigada Inquisitorial em abril de 1996. Durante o intervalo de manhã em seu primeiro dia como membro, ele tentou tirar pontos de Fred e Jorge Weasley, mas os gêmeos o empurraram para o Armario Sumidouro antes que ele pudesse terminar de falar. Enquanto preso lá dentro, Montague ocasionalmente ouvia acontecimentos em Hogwarts, bem como em Borgin e Burkes, onde a contraparte estava localizada. Ele conseguiu aparatar no dia seguinte, apesar de nunca ter obtido uma licença de aparatação, mas acabou alojado dentro de um banheiro no quarto andar. 

A aparatação quase se mostrou fatal para Montague. Ele foi deixado em um estado desorientado por semanas. Em maio, seus pais vieram para a escola, parecendo furiosos. Em junho, Madame Pomfrey serviu uma poção azul vívida para Montague.

Montague finalmente contou sua história para outros, incluindo Draco Malfoy, que foi o único a chegar à conclusão de que havia uma conexão entre o armario de Hogwarts e o armario da Borgin e Burkes. Esse conhecimento deu a Draco os meios para permitir que os Comensais da Morte entrassem na escola no ano seguinte.

Harper: foi o apanhador do time em 1996, substituindo Draco Malfoy. Ele parecia ter uma visão aguçada, avistando o pomo antes mesmo de Harry, mas talvez apenas porque Harry estava furioso com Zacharias Smith e ele estava distraído. No entanto, quando parecia que ele estava prestes a pegá-lo, foi adiado pela provocação desesperada de Harry, que zombou dizendo que Malfoy pagou Harper para jogar em seu lugar. Harper, distraido pelo comentario, se atrapalhou com o pomo, custando ao time o jogo.

Cassius Warringtom: Durante uma partida em 1993, Lee Jordan, o comentador da época, disse que Flint estava buscando tamanho e não habilidade na formação em referência a Warrington, que estreiava como novo artilheiro no lugar de Pucey. Naquele mesmo ano, Warrington supostamente prestou seus N.o.m's.

Quando Dumbledore colocou o Cálice de Fogo no Grande Salão para os estudantes tentarem competir no Torneio Tribruxo, havia rumores de que Warrington colocaria seu nome. Se assim fosse, seria em vão, pois Cedrico Diggory foi escolhido como campeão de Hogwarts. No ano seguinte se juntou a Brigada Inquisitorial e durante o seu tempo como membro relatou à Ala Hospitalar uma queixa horrível de pele que o fazia parecer revestido de flocos de milho.

Da esquerda para a direita: jogador desconhecido, Vaisey, Crabbe, Goyle, Graham Montague, jogador desconhecido e Blazio Zabini atrás dele.
Partida contra a Grifinoria:
Harper, numero 7
Goleiro desconhecido, numero 8
Gregory Goyle, numero 2
Vincent Crabbe, numero 3
Vaisey, numero 4
Graham Montague, numero 5
Blazio Zabini, numero 6

0 Corujas:

Postar um comentário